Quarta, 19 de Janeiro de 2022
23°

Trovoada e chuva

Campo Grande - MS

Geral Mato Grosso do Sul

Em 24 horas, MS registra 610 novos casos de Covid e aumento das internações

Boletim epidemiológico Covid das últimas 24 horas manteve aumento nos novos casos em Mato Grosso do Sul. Nesta terça-feira (11) a Secretaria de Est...

11/01/2022 às 12h15
Por: Campo Grande Fonte: Secom Mato Grosso do Sul
Compartilhe:
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Boletim epidemiológico Covid das últimas 24 horas manteve aumento nos novos casos em Mato Grosso do Sul. Nesta terça-feira (11) a Secretaria de Estado de Saúde confirmou 610 novas infecções em todo o Estado. A maioria dos novos casos é de Campo Grande, que registrou 224 positivos, seguido de Dourados (48), Corumbá (47), Costa Rica (32) e Coxim (27). A média móvel indica confirmação diária de 766,1 casos nos últimos 7 dias.

Também foram confirmados dois novos óbitos, um de Selvíria e outro de Aral Moreira, que elevam a média móvel para 1,9. Desde o início da pandemia, a doença já levou 9.745 sul-mato-grossenses, e a taxa de letalidade está em 2,5%. “Há um aumento expressivo de casos Covid. Os óbitos nós também já temos um aumento na média móvel dos últimos 7 dias”, avaliou a secretária-adjunta da SES, Christinne Maymone. 

Durante a transmissão ao vivo, Maymone também reforçou a importância da retomada das medidas de biossegurança, incluindo o ciclo completo da vacina.  “A ciência está aí e ela graças a Deus trouxe pra gente a possibilidade da vacinação. Já com a possibilidade da primeira leva da vacina para crianças de 5 a 11 anos chegarem no Brasil ainda nesta semana, no dia 13. Nós já estamos fazendo treinamentos com as equipes vacinais nos municípios, para que consigamos entregar a vacina em tempo muito rápido e nossas equipes estejam prontas para assegurar a efetividade da vacina para essa população”. 

Outro dado que chama atenção no boletim desta terça-feira é o aumento no número de internações pela doença. De ontem para hoje, o número de pacientes internados subiu de 59 para 83, sendo 53 em leitos clínicos e 30 em leitos de UTI. O aumento pode ser observado tanto na rede pública, quanto na rede privada. 

A secretária-adjunta da SES também lembrou da importância da vacina contra a gripe, e reforçou que as equipes de saúde estão empenhadas em acompanhar a atual demanda. “A vacina da gripe está disponível nas unidades de saúde, a vacina da gripe é importante! Você que não tomou no ano passado, tome a vacina. Não se exponha ao risco, use a máscara adequadamente, preserve o distanciamento. As unidades de saúde estão lotadas por sintomas respiratórios. Os municípios todos estão fazendo testagem. Nós do Estado também abriremos mais unidades de testagem. Nosso Lacen está a todo vapor, recebendo amostras e dando resultado em até 24 horas”.

Confiraaquio detalhamento do boletim epidemiológico Covid e Influenza divulgado pela SES nesta terça-feira, 11 de janeiro de 2022. 

Mireli Obando, Subcom

Foto: Saul Schramm (arquivo)

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários